DESABAFO DEPRESSIVO: ONDE ESTÃO OS MOTIVOS PARA GRATIDÃO???!!!

Imagina uma tristeza profunda e quase irreparável, como por exemplo uma pessoa muito próxima falecer: alguém que você amava demais e que sofre porque nunca mais verá nem ouvirá qualquer palavra. Agora pense num sentimento similar 300 dias do ano (ou até mais se não me engano). É assim que me sinto a cada partida, a cada desprezo, a cada desinteresse alheio. É o amor que está morrendo em mim! É a pessoa potencialmente feliz e tranquila que não existirá mais, nem em pensamentos de paz. É quando a vida já não tem mais espaço para desilusão e decepção. A desolada esperança foi fuzilada, e se é a última que morre, não adianta se fazer mais nada!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s